Jesus Chorou

Photo by Nathan Dumlao on Unsplash

Mundão tá desandado
Surgiu a racionalidade
Destino fadado
As leis naturais e nada mais
Farelos, pão sem miolo
Geladeiras sem gelo
Natureza e diversidade
A humanidade tá matando a humanidade
Crises de identidade
A fome num open bar
Miséria à vontade
Indicadores indicam invenção humana
Feita pra eliminar
Ninguém alimentar
A larica da ganância tá a milhão
De rebanho só os paupérrimos
Que chiquérrimo pensar
Que com menos anticorpo
Insuflar mais bolsos
Corpos empilhar
Doze apóstolos, um desandou
Se espalhou, somou mais cinco
Conceito de "bem" eles mudou
Pegou no canhão passou a mão
No que é meu, no que é seu
Fudeu
Fariseus os novos filhos de Deus
Dois zero dois um
De remédio só cinquenta e um
Segunda dose: desamor
Jesus chorou

Sou um poeta iniciante que não é iniciante…

Se minha prosa poética lhe despertou de alguma forma, chega mais nas minhas redes sociais:

Instagram | Twitter

--

--

--

preto poeta de periferia. poesia e resistência são sinônimos pra mim. Meu Podcast "Quebradas, Emoções": https://anchor.fm/poetadatiradentes

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store
Poeta de Periferia (gui)

Poeta de Periferia (gui)

preto poeta de periferia. poesia e resistência são sinônimos pra mim. Meu Podcast "Quebradas, Emoções": https://anchor.fm/poetadatiradentes

More from Medium

Dinosaurs: A Blast From The Past

The Vulture and The Little Girl: Moral Compass of Humanity.

The Downfall of Afghanistan

Atlas V rocket launching 2 satellites for the US Space Force Friday: Watch it live